ÁLCOOL

Possivelmente é a única substância de abuso da maioria dos adultos do ocidente.Já usou ou experimentou uma proporção considerada,na maior parte da sua vida.

Quando se estuda o consumo do álcool é indicado o uso de medidas baseadas e quantidades e frequência em que esta substância e ingerida.Uma dessas medidas é O CONSUMO PER CAPITA DE ALCOOL PURO.

CONSUMO PER CAPITA: Produção interna – exportação+ importação,dividido pela população de 15 anos ou mais.

ÁLCOOL PURO : consideram-se cervejas com 4% de álcool puro, vinhos 12% e destilados 45%.

O consumo de álcool no Brasil não é partivcularmente alto, mas vem aumentando rápido e intensamente.

O cálculo per capita é um indicador melhor do que simplesmente pesquisar quem já teve contato com bebida alcoolica,mas ele não é suficiente para caracterizar a situação.

SITUAÇÃO DO CONSUMO DE ÁLCOOL NO BRASIL

Dados preocupantes referem-se à frequencia do uso desta substância.11,7%faziam uso frequnte(seis ou mais vezes no mês) e 6,7% faziam uso pesado (vinte ou mais vezes no mês).

O que vem aumentando, no entanto é o uso pesado de álcool entre crianças e jovens.

TABACO

Em termos de capacidade de gerar  dependência é uma das mais poderosas.poucos fumantes conseguem controlar o vicio.na grande maioria dos casos ser fumante requer dedicação diaria e várias vezes por dia,para evitar nervosismo,desconforto,irritabilidade e ansiedade.

OUTRAS DROGAS

No ponto de vista epidemiólogico,os dados são unanimes em mostrar um impacto menor do consumo de drogas ilegais e de produtos legais usados para fins de abuso do que do uso do álcool e cigarro, o uso de drogas ilicitas é pequeno qaundo comparado com o de vários países industrializados,no máximo na média internacional.

Anúncios